sábado, 22 de abril de 2017

E então, eu resolvi seguir todos os meus sonhos!




Olá galerinha! De boa?

Lembram que eu disse que tava com uns sonhos "meios loucos"? Pois é, acontece que eu resolvi seguir todos eles!

E resolvi começar, aprendendo a andar de skate.
Bem, desde pequena eu sempre tive uma paixão por skates.

Não sei bem quando, nem onde, nem porque ela surgiu,apenas sei que sempre de algum modo, sempre achei skates interessantes.

Mas acontece que eu já sabia o que aconteceria se eu pedisse aos meus pais....

"Tô sem dinheiro..."

"Para quê você quer um skate?"

"Dinheiro não nasce em árvore, sabia? Você tem que dar duro e blábláblá"

Resumindo: não.

Então daí eu dei o meu jeito... Chegou junho de 2015, eu já tava lá com uma grana, mas achei melhor, comprar em alguns meses, já que era inverno.

Passei três meses assistindo vídeos de skate, e me aprofundando mais sobre o assunto...
E então chegou o dia 26 de setembro de 2015, foi o dia que eu comprei o meu primeiro skate, era um modelo para iniciante, com a imagem de um zumbi desenhado no shape, não era lá grande coisa para alguns.

Cara, naquele dia me bateu uma puta felicidade, uma vontade de gritar para o mundo o que tinha acontecido, só lembro a cara da minha mãe, quando cheguei em casa com o skate: Ah, virou homem!

Mas quer saber? Eu tava nem aí para a opinião da minha mãe, tava nem aí para a opinião de todos, a partir de hoje o mundo tinha uma nova skaterboarding...

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Bullying,denuncie antes que tarde demais...

Olá galerinha!


Com o sucesso da série "13 Reasons Why?" (Os 13 porquês?), na Netflix, fez o público acordar para um assunto sério, que é o bullying sofrido nas escolas, tanto na rede pública, quanto na rede particular.

A série se trata de um estudante do ensino médio, chamado Clay Jensen, que encontra uma caixa na porta de sua casa, contendo sete fitas cacete, que pertencia a Hannah Baker, sua colega que havia cometido suicídio. Nas fitas Hannah Baker explica os treze motivos por ela ter se suicidado, o intuito era que os colegas passassem as fitas de um para o outro, caso contrário as cópias vazariam em público.



A palavra "bullying", vem do inglês, e significa "valentão", e pode se caracterizar em dois tipos:

    •Direto: mais praticados pelos meninos, força física e as atitudes são insultos, apelidos ofensivos por longo período por longo período, comentários racistas, agressões físicas (tapas, empurrões, chutes), extorsão de dinheiro, etc.

   •Indireto: sobre tudo os ataques morais, como espalhar fofoca. inventar mentira, entre outras atitudes que têm como objetivo levar a vítima ao isolamento social.

O objetivo do bullying é sempre intimidar as suas vítimas, gerando comportamento agressivo, problemas de auto-estima, ou até mesmo levando ao suicídio.




Uma pesquisa de 2016, no IBGE, apontou que (46,6 %) algum tipo de bullying e se sentiu humilhado por colegas de colegas de escola, a maioria (39,2 %) afirmou que se sentiu humilhado ás vezes ou raramente e (7,4%) disse que essa humilhação acontece sempre e entre os motivos está a aparência.

Já outra pesquisa de 2014, indicou que a maioria mais pratica bullying, do que sofrem.

E as escolas será que estão levando o assunto a sério? De 1 em cada 10 alunos que sofre ou já sofreu algum tipo de humilhação na escola, e as escolas será que estão tomando as devidas providências?
Na maioria das vezes, as vítimas se sentem intimidadas a pedir ajuda, ou muitas vezes não recebem o socorro necessário.

Muitas vezes, os pais não sabem que os filhos estão passando por isso,como foi o caso de Nyah James, de 14 anos.
O caso ocorreu no país de Gales, em Swansea, após a morte da garota, o seu irmão, Jordan Clements, passou a ameaçar um grupo de garotas que estariam supostamente fazendo bullying com a garota, através de mensagens.


Em umas das mensagens ele falou que elas deveriam ser penduradas ao lado das vacas mortas no açougue, em outra dizia "Vai brincar com o vidro da sua boca.",em uma das mensagens ele culpava as garotas.

"Eu sei o que fizeram. Vocês vão se arrepender pelo resto da vida."

Em resposta a polícia, ele afirmou que havia enviado as ameaças as garotas, quando estava bravo e chateado, ele admitiu ser culpado por duas acusações de assédios e duas acusações de comunicação indecente ou ofensiva.

Jordan foi liberado da sentença, mas deve seguir duas condições: o jovem não podem mais fazer uso das redes sociais e, em situação alguma, deve entrar em contato com as garotas novamente.




sábado, 15 de abril de 2017

16 anos sem Joey Ramone!



Jefrrey Boss Himan, cresceu no bairro de Queens, Nova Yorque, nos Estados Unidos.
Jefrrey tocava bateria, até que se encontrou com o seu amigo John Cummings, e o seu outro amigo Douglas Colvin.

John tocava guitarra e Douglas tocava baixo, e assumia os vocais ( qual mais tarde foram assumidos por Joey), Jefrrey acabou virando"Joey",John acabou virando"Johnny" e Douglas, "Dee Dee".

Todos adotaram o nome "Ramone", devido á Paul McCartey, que nos primeiros dias nos Beatles, se apresentava com o nome de "Paul Ramon", e assim eles acabaram virando os "Ramones".

De suas letras expressivas, como a famosa "The KKK Took my Baby Away" (reza a lenda que ele á escreveu quando Johnny roubou a sua namorada, "Linda") à "My Brain is Hanging Upsside Down" (que falava sobre uma gafe cometida pelo presidente Ronald Reagan), os Ramones nunca ganharam um disco de platina, sequer nunca estiveram na parada da Billboard 100.

Joey nos deixou no dia 15 de abril de 2001, aos 49 anos, devido à um lifoma, qual lutava à 4 anos.


sexta-feira, 14 de abril de 2017

What a wonderfull world?


Havia um mundo, aonde as pessoas sentiam um enorme vazio, elas tentavam preenche-lo com coisas triviais, como: drogas, álcool, baladas, e televisão.
Outras tentavam preencher com coisas, como: religião, esporte e hobbies.
Já outras tentavam preencher, com outras pessoas e outras pessoas, no geral.

terça-feira, 11 de abril de 2017

¡Let go Rock!


Olá galera! Tudo bem com vocês?

Desde pequena, eu curto Rock, comecei com a Pitty, e por aí foi... Atualmente curto o Punk Rock e o Grunge (embora o Grunge não seja exatamente um sub-gênero do Rock), minhas bandas preferidas são: Ramones, Sex Pistols e Nirvana.

Bem, desde um tempo atrás, eu venho observando que Rock já não tem aquela mesma força de antes.

Rockeiros de Porcelana

Em minha opinião, não há nada de errado em curtir Rock, e gostar de vestir preto, se caracterizar com roupas do tipo, mas fala sério, tem gente que coloca ma camiseta de banda, um jeans e all star...

"Eaí véi...Então você curte Guns N' Roses?"

"Curto."

"Sério? Qual é a sua música preferida?"

"Chop Suey."

Cara, se vestir como rockeiro não lhe faz rockeiro, e sim um poser, se for usar uma camiseta de banda, ao menos conheça a banda.

E agora, levante seus celulares!




Não precisa ser veterano no Rock para saber que antigamente, não exatamente desde os primórdios do Rock, mas sim desde os anos 60'S, o costume sempre era pedir ao público para levantar seus isqueiros, né?

Pois é, hoje o hábito é pedir para que a platéia levante os seus celulares, mas parece que tem gente que leva ao pé da letra, e fica o show inteiro com o braço estendido o show inteiro.

É tipo...

"Eaí cara, vai ao show do....hoje?"

"Ah sim cara, vou.Só espera o meu celular carregar aqui para eu lançar um DVD da banda, um filme, fazer um cosplay, fazer um álbum de fotos, para botar no youtube, no blog..."

Fora as selfies...

As próprias bandas de Rock

Bem, se vocês acompanham o meu outro blog Rock N' Life (provavelmente não acompanham) (que por sinal está parado por um tempo, até arranjar um nome legal e fazer umas reforminhas), vai saber que eu defendo que boas bandas estão em falta hoje em dia, elas podem até existir, mas estão escondidas nas favelas e nos subúrbios, bem longe da mídia.

Não querendo desfazer das bandas de hoje em dia, mas as letras das atuais são muito menos complexas que a de antigamente, embora eu ache que algumas melodias de hoje esteja um pouco mais trabalhadas que a da era Grunge (era do politicamente incorreto,qual eu não peguei rsrsrs), embora antigamente os artistas expressassem mais o que sentissem por meio de acordes e letras, hoje em dia, há algo... Digamos "mais comercial", muitas passam muito tempo pensando na melodia perfeita e na letra, e principalmente na grana (já que só estão lá por isso), e esquecem do real significado da música, esquecem de expressar os seus sentimentos através da música, isso quando não já são bandas montadas de mídia, e são seus produtores que escrevem.

A própria mídia

Como eu já disse antes, hoje em dia pode até existir bandas boas, mas a própria mídia não faz questão de divulgar, só dos "rostinhos bonitos com guitarras", o Rock N' Roll já não tem a mesma versalidade, de antes, como antes, a mesma divulgação, como nos anos 80's, a mídia

e por último, mas não menos importante....

FunkXRock

Bem, há três anos atrás eu tava lá no meu facebook, e esse assunto já estava em discussão...
Confira aí alguns memes:



(Vide google e grupos de treteiros anônimos)

Eu pessoalmente, sempre achei essa comparação muito sem noção, tipo, você curtir Rock? Que bom! O cara curti Funk, e daí?

E não basta isso, não, tem ainda as crianças que fica nas páginas de Rock, criticando as bandas dos outros:

"Você curte Avenged Sevenfold? É coisa de emo, porra! Vai ouvir Linkin Park, otário!"

"Linkin Park, sabe de nada bebezinho, ouça Metallica!"

"Metallica? Banda POP do caralho, Iron Maiden é bem melhor."

"Iron Maiden? Sabem de nada otários, Megadeth é bem melhor, vai chorar no colinho da mamãe!"

E por aí, vai!

Então é isso pessoal, até a próxima! ;)
Até lá, fiquem com esse Rock foda: https://www.youtube.com/watch?v=p5PQnngPX00


sábado, 8 de abril de 2017

Blue Whale, o jogo da morte...

Olá galerinha!

Se você andou atenado nas redes sociais nos últimos dias, provavelmente ouviu falar do jogo que está levando vários jovens com a faixa etária entre 12 à 17 anos a cometerem suicídio.

De inicio, me lembrou ao jogo "Lavender Town", do Pokemon, lançado em 1996, que causou suicídio de várias crianças, devido a sua trilha sonora.
Mas ao contrário do "Lavender Town", o "Blue Whale" (Baleia Azul), o jogo interfere diretamente no psicológico das crianças, com lições estranhas, como: se automutilar, assistir vídeos e ouvir músicas que o "curandeiro" lhe manda, ir á algum telhado alto, e ficar parado por um tempo, ir á trilhos, ir á prédios, o jogo é resumido em 50 desafios, até o último: tirar a própria vida.

Em um artigo a Novaya Gazeta declarou que o Blue Whale, deixa sim os seus jogadores sensitivos, principalmente aqueles com alguma tendencia suicida.

"Com certeza são adultos manipulando crianças, através dos seus gostos, hábitos e paixões, usando a sua língua favorita e cultura...Eles possuem um vasto conhecimento em psicologia, com isso convencem as meninas que são "gordas", e dizer aos rapazes que são "perdedores" neste mundo. E que há outro mundo e eles estarão entre os escolhidos."

Em resposta, em outra publicação Russa argumentou que Novaya Gazeta estava errada em seus argumentos, que embora grupos em redes sociais existam não há nenhuma prova que o jogo tenha ligação aos suicídios, pois com jovens com tendências suicidas e problemas psicologicos participam com mais frequência de grupos semelhantes em redes sociais.
Embora aja sim provas que o jogo tenha incentivado as criança a se suicidarem.

Mas quem seria esse tal "curandeiro"? Curandeiro, seria a pessoa que dar ás ordens aos meninos  e meninas, sempre no horário de 4h20, usuários da rede social VK, que recebem o convite, a partir daí se concordarem , eles terão que cumprir todos os desafios e jamais poderão desistir do jogo.

O jogo surgiu na Rússia, e vem se espalhando pelo Brasil, estima-se que 130 jovens tenham cometido suicídio, devido ao jogo.

Como foram os casos de Yulia Konstantinova, 15

E Verônica Volkova, 16

Ambas se juntaram para saltar de um prédio de 14 andares, Yulia postou no seu facebook "End" (Fim), já Verônica postou algo como "A consciência está perdida...Fim."


A morte das garotas estão sendo investigadas pela polícia do distrito de Karsnoyark ao leste de Moscou.

Se você ver o seu amigo, postando coisas estranhas, não ignore, pois ele pode estar precisando de ajuda.

 O DIÁRIO DE UMA GAROTA MUITO COMPLICADA 2, NÃO ACONSELHA A JOGAR ESSE JOGO, SE ESTÁ PASSANDO POR DEPRESSÃO, OU ALGO DO TIPO, NÃO IGNORE, PEÇA AJUDA, POIS DEPRESSÃO É COISA SÉRIA!